Namoro: O que devo e não devo?

Nessa série de sexualidade, decidi conversar com vocês que já namoram. Eu namoro há mais de dois anos e por isso digo a vocês… Não é fácil, mas também não é impossível. Uma das melhores coisas da vida é namorar (enquanto a gente não casa, pelo menos, kkk). Nada melhor do que ter uma pessoa especial pra compartilhar sonhos, tristezas ou até mesmo ficar horas falando coisas sem importância e rindo delas. É muito bom! Mas existem coisas que não devem ser feitas e é basicamente sobre isso que esse post fala.

Não devo:

- Começar a namorar por carência. Você está quase se vendendo por uns beijos ou alguns dias. Uma princesa que se dá valor não faz isso consigo mesma. Além disso, uma carência leva a outra, que leva às mãos, que leva ao escuro, que leva à cama. Foge!

- Começar a namorar porque minhas amigas(os) estão namorando. É melhor estar só que mal acompanhado… Você pode se livrar de muitas feridas se continuar sozinha e esperar por uma pessoa que se encaixe nos seus ideais.

- Ficar sozinha(o) com meu namorado(a), em hipótese nenhuma. Não confiem em si mesmos. Fujam da tentação antes mesmo que ela apareça. Meninas, principalmente nos dias que a mulher está mais propensa (fértil) a pensar nessas coisas. É cientificamente comprovado, o organismo masculino capta esse hormônio no ar… aí já viu.

- Entrar em um relacionamento sexual antes do casamento. Já pensou nas consequências? DST’s, gravidez, culpa… você está pronta(o) pra isso?

- Entrar em um relacionamento sexual porque afinal, já estamos noivos. Filho(a), aliança corporal só quando a aliança real passar pra mão esquerda. Aí vocês estarão abençoados para começar uma vida inteira (corpo, alma e espírito) juntos. Se estiver noivo, espera só mais um pouquinho! Vai valer a pena!

- Usar roupas provocantes ou falar em um linguajar inapropriado. Qual é? Somos cristãos ou não? Então, aquele que se diz cristão, deve andar como Jesus andou. Santidade no falar, no pensar e no agir. Meninas, vocês podem ficar lindas sem essas roupas embaladas à vácuo!

- Ficar pulando de namorado(a) em namorado(a). Isso mostra que você não sabe ficar sozinha(o), que não se conhece o suficiente e se apóia na identidade de um cara ou menina pra ser feliz. Se você terminou um namoro, fique um tempo sozinha (o). Não comece outro namoro imediatamente, porque é muito possível que fracasse.

Aí você pode me dizer… Caramba, não posso fazer nada! Namorar não tem graça desse jeito! Pois bem, tem muita graça sim! Porque juntos vocês podem conviver, serem os melhores amigos, se acostumarem com o outro, se acostumarem com a família do outro, avaliarem se é isso mesmo que vocês querem, começar a conhecer profundamente a outra pessoa, seus gostos, manias, etc. Nada melhor do que saber que a pessoa está com você por quem você é, não pelo seu corpo ou outro tipo de status.

Controle seus desejos, viva bem com Jesus. Deixe o sexo pra quando você estiver pronto pra ser mãe (pai).
Não pule a etapa do namoro, ela é importante para que um casamento seja bem-sucedido.

Deus abençoe vocês, meus queridos

@danielecappelli